Kleber Lucas cala boca dos críticos e comemora mais uma conquista em seu ministério – Gospel Planet


O polêmico pastor e cantor gospel Kleber Lucasvive um tempo de paz e harmonia com o seu ministério e com a sua igreja à Batista Soul.

Enquanto o pastor é criticado e difamado nas redes sociais por uma grande parte dos evangélicos, ele segue avançando em seu ministério e expandindo sua igreja por outras regiões do país.

+ Pastor José Wellington celebra último culto na Assembleia de Deus e fiéis caem no choro

Com apenas quatro anos de existência a Igreja Batista Soul liderada pelo cantor, tem crescido de maneira considerável e tem se destacado pelos trabalhos sociais e espirituais que vem realizando dentro da (CCD) Comunidade Cidade de Deus no Rio de Janeiro.

Kleber Lucas postou em seu Instagram nesse domingo (03), fotos do último batismo do ano e escreveu:“Soul último batismo desse ano, a nossa alma está em festa, a nossa boca cheia de risos”.

+ Após fim da dupla com Alisson, Neide Martins comemora marca histórica em seu ministério

O cantor recebeu o apoio de muitos seguidores que enfatizaram que ultimamente ele vem sofrendo muito com as críticas, e mesmo assim seu ministério tem crescido e feito a diferença onde tem chegado.

Apesar das polêmicas e de não ser mais o queridinho do mundo gospel, o cantor prova mais uma vez que está acima das críticas, das opiniões, e do mundo gospel, expandindo seu ministério e alcançando pessoas através da palavra de Deus.

+ Cantor gospel Jairo Bonfim “detona” pastor em desabafo polêmico

Homem ataca fiéis com uma faca durante culto e depois de preso se arrepende do crime

Uilker Alves, autor do crime sendo preso (Reprodução Internet)

Uilker Alves, autor do crime sendo preso (Reprodução Internet)

Na manhã do último domingo (02), a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias que fica localizada no Setor Colina Azul, em Aparecida de Goiânia, foi alvo de um atentado realizado por um homem armado com uma faca, onde aproveitou a oportunidade para atacar os fiéis. Segundo testemunhas, o acusado teria entrado no templo gritando “vai morrer todo mundo” logo em seguida deu início ao ataque atingindo quatro homens.

+ Pastor José Wellington celebra último culto na Assembleia de Deus e fiéis caem no choro

Os primeiros socorros as vítimas foram feitos pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e logo em seguida encaminhadas para o Hospital de Urgências de Aparecida de Goiânia (Huapa). A direção geral do hospital informou que um homem de 33 anos deu entrada com ferimentos por arma branca, passou por avaliação ortopédica e foi submetido a uma mini cirurgia na mão esquerda, tendo alta logo após o procedimento, segundo os médicos que atenderam ao homem, esta foi a única vítima a ser liberada até então.

As outras três vítimas atingidas pelas facadas se encontram internadas, segundo o Huapa, com estado de saúde estável. As informações colhidas na unidade de pronto atendimento confirmaram que um homem de 40 anos, que sofreu diversos ferimentos ao ser atingido pelo meliante, foi atendido e aguarda a realização de alguns exames. A vítima de 42 anos, que também foi ferida com várias perfurações, passou por sutura e está em observação. A previsão de alta para ambos ainda está indefinida pelos médicos.

+ Grávida de gêmeos, cantora gospel que é “estrela” Adventista dá notícia triste e fãs lamentam

A última vítima de 31 anos foi atingido no punho direito e está em um estado mais grave, ele passou por uma avaliação cirúrgica e foi transferido para o Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo).

No início da tarde do último domingo, o acusado foi encaminhado para o 1º Distrito Policial (DP) na cidade de Aparecida de Goiânia, onde foi registrada a ocorrência. Em seguida, foi submetido a exames de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML). O autor do atentado foi levado para uma unidade de saúde para ser atendido devido a um machucado na testa que sofreu no momento em que populares o imobilizaram.

+ Cantor gospel Jairo Bonfim “detona” pastor em desabafo polêmico

Segundo um vídeo compartilhado pelo site de notícias G1, o jovem Uilker Alves, 28 anos, que atacou os fiéis no templo religioso confessou que se sente arrependido e declara: “Aconteceu. Se eu pudesse voltar atrás, eu voltava.”

Assista o vídeo na íntegra o momento em que o autor do crime revela o motivo de ter feito o ataque:





Fonte: Gospel Planet