Premiação de roteiristas tem vitória de filme que não concorre ao Oscar  – 18/02/2019


Aconteceu ontem o Writers Guild Awards, premiação do sindicato de roteiristas de Hollywood. E, apesar de alguns favoritos ao Oscar concorrerem, um dos destaques foi a vitória de um filme que não está na lista da Academia. “Oitava Série”, de Bo Burnham, foi eleito o melhor roteiro original.

A premiação aconteceu simultaneamente em Los Angeles e Nova York. “Oitava Série” concorria com “Roma”, “Vice”, “Um Lugar Silencioso” e “Green Book: O Guia”, e deixou surpreso até seu vencedor, que não tinha discurso preparado. Foi o primeiro filme desde 2003 a vencer a categoria sem estar concorrendo ao Oscar.

“Para os outros indicados na categoria, divirtam-se no Oscar, perdedores!”, brincou Burnham. “Não, eu não preparei nada… Este prêmio vai para Elsie Fisher, ninguém ligaria para o roteiro se não fosse ela”. Fisher é a protagonista do filme, que conta como uma introvertida adolescente tenta sobreviver à semana final de seu último ano escolar antes de entrar no ensino médio.

Na briga por melhor roteiro adaptado, Nicole Holofcener e Jeff Whitty faturaram o prêmio por “Poderia Me Perdoar?”, em uma categoria que tinha “Infiltrado na Klan”, “Nasce uma Estrela” e “Pantera Negra” em disputa. 

Entre os outros premiados, menos surpresas: a melhor série de comédia foi “A Maravilhosa Sra. Maisel” e o melhor drama foi “The Americans”. “Barry”, da HBO, ganhou como melhor série. “God of War” ganhou como melhor roteiro de game.
 

Veja o trailer de “Oitava Série”, em inglês

UOL Entretenimento



Fonte: UOL